Destaque Notícias

Projeto de aproximação com universidades catarinenses completa um mês

single-image

A Esmesc completou um mês do projeto “Thinking like a Judge” nas universidades de Santa Catarina. Até agora, seis instituições receberam as aulas, que têm por objetivo levar Magistrados e professores da Escola para uma experiência inovadora em sala de aula. 

Nos encontros, foram abordados temas como a atuação do Magistrado e a função jurisdicional para despertar o desejo vocacional para a carreira judiciária e, ainda, detalhes sobre o concurso para a Magistratura e a preparação dos Juízes para obter sucesso na aprovação. 

As edições do mês de setembro foram realizadas na Universidade do Contestado (UnC), em Curitibanos e em Concórdia, na Universidade de Brusque (Unifebe), na Faculdade Cesusc, em Florianópolis, na Faculdade Concórdia (Facc) e na Unidade Central de Educação Faem (Uceff) em Chapecó. 

A aluna Larissa Rocha Siqueira, da 10ª fase do curso de Direito do Cesusc, explicou que o contato com os Magistrados foi marcante, pois ouvir histórias da carreira e mais detalhes sobre a aprovação no concurso deu motivação para continuar os estudos. 

O aluno Gabriel Valiati Spiller, da 4ª fase de Direito do Cesusc, conta o que mais chamou a atenção no bate-papo com os Juízes. “Ouvir as histórias e aprender como agir diante das adversidades da profissão com certeza nos ensina muito. A Esmesc, com esse encontro, nos ajudou a manter o foco na caminhada, que é difícil, mas gratificante.”

O diretor de ensino da Esmesc, Juiz Eduardo Passold Reis, que idealizou o projeto, explica que as aulas são “uma possibilidade de contato exclusivo entre quem está sonhando com o futuro da carreira e quem vive a rotina da Magistratura”, destaca. A coordenadora do curso de Direito do Cesusc, Christiane Kalb, explica que a aula pode motivar os estudantes na caminhada até a aprovação do concurso. “Esse contato gerou um reconhecimento nos alunos, de que eles podem chegar até o sucesso. Nossa parceria com a Esmesc é muito bacana, espero que renda ótimos frutos daqui para frente”, conta a professora.

Além dos diretores da Esmesc, Maximiliano Losso Bunn, Eduardo Passold Reis, Michele Vargas e Frederico Andrade Siegel, participaram do projeto os Magistrados Helena Vonsovicz Zeglin, Ildo Fabris Júnior, Jeferson Osvaldo Vieira, Rodrigo Clímaco José, Guilherme Pereima, Elton Zuquelo, Leandro Freitag, Paulo Henrique Aleixo e Hélio do Valle Pereira, além do desembargador aposentado Carlos Prudêncio. Já estão agendadas outros 13 encontros com a participação de diversos Magistrados e professores da Escola. “Todos os Juízes das comarcas próximas às universidades estão convidados e podem participar dos encontros”, destaca Eduardo.

O diretor-geral da Esmesc, Juiz Maximiliano Losso Bunn, reforça a importante participação da Magistratura nos eventos, para destacar a tradição de 35 anos da Escola em preparar futuros Magistrados. “Para os estudantes, ter contato com a qualificada Magistratura catarinense é primordial para a tomada de decisão e escolha de carreira. Com a presença dos colegas conseguimos destacar ainda mais a qualificação de excelência que a Esmesc oferece em Santa Catarina.” 

Confira a agenda dos próximos encontros: 

6/10 – Unoesc – Videira
14/10 – Católica de Santa Catarina – Jaraguá do Sul
14/10 – Unisul – Florianópolis
14/10 – Faculdade Esucri – Criciúma
19/10 – Furb – Blumenau 
21/10 – Unoesc – Chapecó
21 e 22/10 – Univali – Itajaí
22/10 – Uniplac – Lages
27/10 – Unisociesc – Blumenau
4/11 – UnC – Mafra
10/11 – Unisul – Tubarão
22/11 – Católica de Santa Catarina – Joinville
23 e 24/11 – Unoesc – Joaçaba