Untitled Document
   
conheca ent-judiciario associados esmesc sala-imprensa
13/02/2015
Mutirão de declaratórias acontece desde dezembro em Lages
  No. Acessos: 783

Desde dezembro do ano passado, a equipe do projeto “Paternidade Responsável” tem se empenhado para agilizar o número de casos de Reconhecimento da Paternidade que apareceram. O aumento se deu devido a um grande fluxo de situações que surgiram. Cerca de 200 mães estão sendo chamadas para comparecem no período matutino e vespertino na Sede da Instituição que fica anexa ao Fórum.

O fluxo de processos judiciais sobre investigação de paternidade e a espera dolorosa pela resolução fizeram o Instituto utilizar conciliações com pais, mães e filhos. A equipe multidisciplinar é importante no atendimento dessas mães, é instrumento prático e ágil. Em todos os casos a conciliação é utilizada. Exemplo esse que está sendo seguido, feito em Lages, por outras Comarcas do Estado apoiado pela Corregedoria.

Para tanto, uma parceria entre o projeto “Paternidade Responsável” e a Vara da Família, que tem como titular o juiz Alexandre Takashima, dão celeridade a muitos casos antes que deságuem no Poder Judiciário.