Untitled Document
   
conheca ent-judiciario associados esmesc sala-imprensa
Tribunal de Justiça de SC empossa novos Desembargadores
21/08/2017 - 09:08:56   No. Acessos: 204

O presidente do Tribunal de Justiça, Desembargador Torres Marques, empossou na última sexta-feira, em solenidade realizada no auditório do Pleno do TJ, sete novos Desembargadores. Seis deles são oriundos da carreira da Magistratura e um do Ministério Público por meio do Quinto Constitucional.

A saudação aos empossandos foi feita pelo Desembargador Cláudio Barreto Dutra, que destacou a importância do momento em que a sociedade clama pela moralidade pública e exige um Judiciário forte, com liberdade e transparência. "A ascensão de vossas excelências não representa apenas o corolário de uma carreira, mas também a tentativa de alcançar os ideais republicanos numa carreira justa", enfatizou.

A Desembargadora Denise de Souza Luiz Francoski, falou em nome dos novos integrantes da corte e fez um relato das transformações e dificuldades enfrentadas na carreira. "Hoje estamos renovando o juramento para enfrentar novos desafios. Muito temos a fazer pelo Judiciário para que possamos transformar sonhos de desbravadores em realidade", afirmou a Magistrada.

No encerramento, o Desembargador Torres Marques reforçou que o Tribunal está consciente da responsabilidade e tem o encargo de trabalhar com instrumentos para uma Justiça igualitária. "A atenção popular está voltada para o Judiciário. Vivemos uma era digital, o que faz com que as notícias alcancem repercussão imediata. Faz-se imperioso não esmorecer. Este Tribunal tem sido alvo de fatos de repercussão e temos que nos unir para superar este momento, com ética e transparência", afirmou o presidente. (Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ/SC).

Conheça um breve currículo dos novos Desembargadores:

Denise de Souza Luiz Francoski, 55 anos, natural de Curitiba/PR, ingressou na Magistratura em 1988, na comarca de Fraiburgo. Em 1990 foi promovida a Juíza de Direito, e atuou nas comarcas de Bom Retiro, Ituporanga, Laguna, Palhoça, São José e Capital. Em 2012, foi promovida a Juíza de Direito de 2º Grau e exerceu a função na Câmara Especial Regional de Chapecó e, como cooperadora, na 3ª Câmara de Direito Comercial.

Artur Jenichen Filho, 59 anos, natural de Indaial/SC, ingressou na Magistratura em 1981, com lotação no Tribunal de Justiça. Em 1985 foi promovido a Juiz de Direito, e atuou nas comarcas de Guaramirim, Pinhalzinho, Xaxim, Itaiópolis, Mafra, Balneário Camboriú e Capital. Alçou ao cargo de Juiz de Direito de 2º Grau em 2012, e exerceu a função na Câmara Especial Regional de Chapecó e na Câmara Civil Especial.

Vilson Fontana, 49 anos, natural de Abelardo Luz/SC, iniciou sua carreira na Magistratura em 1992. Em 1995 foi promovido a Juiz de Direito, e judicou nas comarcas de Pinhalzinho, Maravilha, Porto União, Tijucas e Capital. Até a promoção para o cargo de Desembargador, era titular do 2º Juizado Especial Cível do Fórum Eduardo Luz e integrante da 8ª Turma de Recursos da Comarca da Capital.

Luiz Cesar Schweitzer, 59 anos, natural de Bom Retiro/SC, assumiu na Magistratura em 1993, com lotação neste Tribunal de Justiça. Em 1995 alçou a Juiz de Direito, e atuou nas comarcas de Campo Erê, Sombrio, Campos Novos, São José e Capital. Desde 2013, integrou a Câmara Especial Regional de Chapecó e a Câmara Civil Especial como Juiz de 2º Grau.

Luiz Neri Oliveira de Souza, 55 anos, natural de Caxias do Sul/RS, iniciou na Magistratura em 1992, com lotação neste Tribunal de Justiça. Promovido a Juiz de Direito em 1995, atuou nas comarcas de Seara, Imbituba, Caçador e Lages. Até a promoção para o cargo de desembargador, era titular da 2ª Vara Criminal da comarca de Lages e juiz da 104ª Zona Eleitoral de Lages.

Norival Acácio Engel, natural de Peritiba/SC, ingressou no Ministério Público em 1986, com lotação na comarca de São Miguel do Oeste. Promovido a Promotor de Justiça titular, atuou nas comarcas de Anchieta, Ibirama, São Joaquim, Xanxerê, Balneário Camboriú e Itajaí. Foi promovido a Procurador de Justiça em 2011.

Paulo Ricardo Bruschi, 56 anos, natural de Serafina Corrêa/RS, assumiu na Magistratura em 1993, com lotação no Tribunal de Justiça. Em 1996 foi promovido a Juiz de Direito, e atuou nas comarcas de Papanduva, Sombrio, Videira, Tubarão e Capital. Em 2012, alçou ao cargo de Juiz de Direito de 2º Grau e judicou na Câmara Especial Regional de Chapecó e, como cooperador, na 1ª Câmara de Direito Comercial.