Notícias

AMC comemora oito anos do programa Novos Caminhos

single-image

Na próxima segunda-feira (30), vai ocorrer uma cerimônia em comemoração aos oito anos de criação do programa Novos Caminhos. O evento será realizado na sede da Fiesc, com transmissão ao vivo pelo Youtube, a partir das 11h. Para acompanhar, clique aqui.

Relembre a história do programa

Em 2013, quando o Novos caminhos surgiu, o Desembargador do TJSC Sérgio Izidoro Heil, Magistrado fundamental para o surgimento do programa, era coordenador da Infância e Juventude do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC). Ele relembra como começou: “A ideia chegou até a gente por meio da Mery Ann Furtado e Silva, secretária da Comissão Estadual Judiciária de Adoção no TJSC, que entregou ao presidente da AMC na época, Sérgio Junkes, o esboço inicial do projeto”, recorda.  

O então presidente Junkes expôs a iniciativa numa reunião de coordenadoria em Joinville, onde recebeu o apoio de todos os participantes para dar início ao programa. 

O principal objetivo do Novos Caminhos é ajudar crianças e adolescentes que vivem em casas de acolhimento. Muitas estão prestes a sair dessas casas, pelo limite de idade. A ideia é oferecer capacitação e oportunidades para o mercado de trabalho, para que eles tenham autonomia e independência financeira. 

A iniciativa atende crianças e jovens das 200 unidades de casas de acolhimento em todo o estado. De acordo com um levantamento recente da AMC, atualmente são 104 jovens em aprendizagem, 6 estagiários e 19 já efetivados.  

Durante a pandemia, o programa Novos Caminhos intensificou o contato com empresas parceiras para garantir que todas as casas de acolhimento tenham acesso à comunicação digital. Já foram doados, desde o ano passado, 226 computadores, que estão sendo distribuídos pelo estado. Para completar a ação de inclusão digital do programa, faltam outras 128 doações.

O Novos Caminhos é desenvolvido por meio de uma parceria entre a Associação dos Magistrados Catarinenses (AMC), a Coordenadoria Estadual da Infância e da Juventude do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) e a Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc).  

Hoje, o diretor do departamento de Família, Infância e Juventude da AMC, Juiz Raphael Mendes Barbosa, é quem está à frente das ações do Novos Caminhos por parte da Associação. Anteriormente, quem representava a AMC era a Juíza Ana Paula Amaro da Silveira e o Desembargador aposentado Alcides dos Santos Aguiar. Frente ao programa pelo TJSC, também esteve  a Desembargadora Soraya Nunes Lins e, atualmente, a Desembargadora Rosane Portella Wolf.

Além da campanha de doações de computadores, o programa segue com o atendimento aos mais de 1300 menores acolhidos. No primeiro semestre de 2021, foram disponibilizados 68 currículos para consulta nas 63 empresas parceiras. Foram realizados também cerca de 270 atendimentos pelo serviço psicológico e 90 consultas odontológicas. Cerca de 190 novas matrículas foram realizadas nos cursos profissionalizantes oferecidos pelo Sesc, Senai e Senac.  

Também apoiam o programa a Ordem dos Advogados do Brasil de Santa Catarina (OAB-SC), o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio), a Associação Catarinense de Medicina (ACM) e a Fundação de Estudos Superiores de Administração e Gerência (Fesag).