Notícias

Confira o resultado da votação simbólica promovida pela AMC

single-image

Em votação simbólica para os cargos diretivos do Poder Judiciário de Santa Catarina (PJSC), os Magistrados catarinenses mostraram preferência pelo Desembargador João Henrique Blasi para a presidência da Instituição. O Magistrado recebeu 110 votos, entre os 205 computados na votação realizada hoje pela AMC.

Para os cargos de 1º, 2º e 3º vice-presidentes, foram eleitos, simbolicamente, os Desembargadores Altamiro de Oliveira, Getúlio Corrêa e Gerson Cherem II, com 98, 99 e 87 votos, respectivamente. 

A votação da AMC foi realizada conforme deliberação da Assembleia Geral Ordinária (AGO) realizada no dia 13 de março deste ano, quando, por unanimidade, os associados decidiram que o resultado seria divulgado, ineditamente, antes da eleição oficial pelo Pleno do TJSC, marcada para a próxima quarta-feira (1º).

O Juiz Paulo Eduardo Huergo Farah, diretor de comunicação da AMC e integrante da comissão especial criada para organizar a votação simbólica, destaca que os avanços para a democratização do Poder Judiciário de Santa Catarina contaram, nos últimos anos, com o apoio da AMC e de grande parte dos Magistrados. “Essa mudança foi iniciada com o aumento dos Desembargadores eletivos, com repercussão concreta nas últimas eleições. Mas poderíamos avançar mais, a exemplo do que já é feito pelo Poder Judiciário do Estado de Roraima, que pioneiramente implantou o sistema de eleição direta com participação de toda a Magistratura, por resolução, permitindo que os Juízes de 1º grau também contribuam para a escolha dos dirigentes”, conclui.

Esta foi a terceira votação simbólica realizada em Santa Catarina. Em 2020, a AMC promoveu pleito simbólico com a possibilidade de participação de todos os Juízes vitalícios de 1º grau, porém com divulgação do resultado apenas após a eleição oficial do TJSC. Antes disso, em 2017, 19 Magistrados integrantes das Coordenadorias de Campos Novos e Videira já haviam participado de uma iniciativa pioneira de votação simbólica organizada pelo Juiz Paulo Eduardo Huergo Farah. 

Confira os resultados da votação simbólica: